| COMO CHEGAR | FAVORITOS | CONTATO | ANUNCIE | TELEFONES ÚTEIS |
NEWSLETTER
   

06/03/2013 10:35:40


Invasão de área particular vai parar na Justiça em Bragança Paulista

Por: g1.globo.com

Cerca de 160 famílias que vivem em um terreno invadido no bairro Jardim Nogueira, em Bragança Paulista, há um ano e três meses vivem um impasse. Elas aguardam uma decisão da Justiça que podem culminar com a saída delas do local. A área, de 74 mil metros quadrados, foi dividida em quatro ruas e 230 lotes. “Por também ser um lugar na época abandonado muitos caminhões vinham jogar entulho, então aqui tem muita gente necessitada “, disse o líder comunitário, Carlos Alexandre.

Ainda de acordo com o líder, existe uma negociação com o dono do terreno para manter as famílias no local. "Ele passou para nós, que, de graça ele não vai dar para ninguém. Ele também não tem interesse de tirar a nossa comunidade e nós queremos pagar dentro da possibilidade que cabe no bolso de um pai de família", explicou.

Em contrapartida a família proprietária da área diz que não existe uma negociação e a intenção é que o terreno seja desocupado para a criação de um loteamento. “Nada impede que se eles pudessem sair de lá, a gente tocasse um loteamento e assim que tivesse toda a infraestrutura pronta a gente vendesse o loteamento para eles“, afirmou Marcio Nogueira.

A Justiça analisa duas ações contra a ocupação no local, pelo fato da presença dos moradores ser ilegal na área. Uma delas seria a reintegração de posse, e a outra, chamada de demolitória, que derrubaria das construções já erguidas, porém, nenhum processo foi julgado até o momento.

Segundo a prefeitura, as famílias do Jardim Nogueira precisam fazer um cadastro para concorrer às casas populares. “O que a prefeitura pode fazer, ela oferece o cadastro da habitação social e elas podem se cadastrar. Só dessa maneira legal que a prefeitura pode oferecer“, explicou o secretário de Planejamento, Adriano Cesila.

Ainda segundo informações do chefe da pasta a atual administração espera construir 1.500 casas durante a gestão, já que existe um déficit de 8 mil moradias no município. Atualmente, são 188 loteamentos irregulares na cidade, sendo 10 deles de caráter social com famílias de baixa renda, o que totaliza cerca de 700 famílias.

 

http://g1.globo.com/sp/vale-do-paraiba-regiao/noticia/2013/03/invasao-de-area-particular-vai-parar-na-justica-em-braganca-paulista.html

 

 

Compartilhe este texto:

|

 

COMENTAR >>

Os comentários e textos assinados por colaboradores ou assessorias de imprensa não refletem, necessariamente, a opinião do portal www.atibaia.com.br. Todas as informações são de integral responsabilidade de seus autores.

 

publicidade

publicidade
Ref: 404858 - APARTAMENTO

Busca de notícias:

 

Banco de Empregos
Total de vagas: 504

 

publicidade

últimas notícias

:: Prof. Paulo Jesus solicita melhorias para diversos bairros da cidade
25/11/2014 13:24:32

:: Prof. Rodrigo Parras pede reforma para APAE Atibaia
25/11/2014 13:21:17

:: Adriano Bedore apresenta moção de pesar para André Carneiro
25/11/2014 13:18:00

:: Baixinho apresenta moção de congratulação para judoca mirim, campeã do torneio Meeting Sul Brasileiro
25/11/2014 13:16:56

:: Artigo: Consumidores esperam inflação de 7,5% nos próximos 12 meses, aponta FGV
25/11/2014 13:14:36


Nível das represas de SP continua em queda com baixo volume de chuvas
5680 visitas
Candidatos prestaram Concurso Público da Prefeitura no último domingo
733 visitas
Jorge do Mercado Davi levanta nova denúncia contra corrupção em Atibaia
591 visitas
Acidente com caminhão fechou por sete horas a Rodovia Fernão Dias
491 visitas
1° Encontro Regional de Artes e Artesanato tem início neste sábado (22)
407 visitas

publicidade